RESENHA: LIVRO "(IM)PERFEIÇÃO", HELENA SOUZA



Sinopse:

Forest Hill, 2013. A cidade está em tensão, ninguém sabe quem será o próximo, bom, devido aos últimos três corpos encontrados, garotas loiras são as que correm mais perigo. Alguns meses atrás ninguém naquela pacata cidade poderia imaginar que alguém entre eles, algum vizinho, amigo, ou conhecido poderia ceder à loucura e começar a caçar pessoas para matar. Mas agora está tudo diferente, todos são suspeitos. A polícia trabalha sem descanso em busca do responsável, mas quem está por trás disso é alguém bem engenhoso, sabe muito bem onde agir e como agir. O telefone não para de tocar, são cidadãos apavorados que são nomes aleatórios somente para que aja uma prisão logo, isso faz com que as investigações não avancem da maneira desejada. O resultado? Após 10 meses e com um saldo de 6 jovens mulheres encontradas mortas na região do pântano próximo a cidade, o assassino simplesmente parou de atacar. Nunca fora pego. 

Forest Hill, 2015. Lentamente a cidade voltou ao seu ritmo, o medo aos poucos havia desaparecido e os moradores passaram a sorrir com mais frequência. Sophie Fields voltou há alguns meses para a cidade, formada em artes visuais, seu senso de dever a faz ajudar a mãe na padaria. Josh Sanders é filho de um conhecido detetive da cidade, e por consequência, acabou se tornando um. Tanto pai como filho trabalharam no caso Maníaco do Pântano, que assolou a cidade há dois anos, depois disso o pai se aposentou e o filho agora é o único Sanders detetive. (Im)Perfeição é narrado através das perspectivas de Sophie e Josh, dois jovens que, em meio a um romance, descobrem que o terror que todos pensavam ter acabado, decidiu voltar.


Resenha:

Sophie Fields tinha 24 anos morava em Forest Hill. Era formada em Artes Visuais pela Universidade da Flórida. Após terminar os estudos voltou para sua cidade natal para ajudar a mãe Bonnie na padaria. Sua vida não era cheia de aventuras como sempre sonhou, todos o dias era a mesma rotina mas ela não reclamava, foi uma escolha ficar junto da família quando mais precisavam dela. Seu pai era um assunto no qual ela não gostava de pensar muito menos falar. As pessoas que mais importavam em sua vida era a mãe e a irmã Chloe, de 16 anos.

Tinha uma paixãozinha por Josh, o detetive da cidade. Todos os dias ia entregar pães no departamento que ele trabalhava e trocavam olhares até o dia em que ele a convidou pra sair e depois de alguns encontros começaram a namorar, o romance deles é a coisa mais fofa. Mas infelizmente não passam muito tempo juntos por conta do trabalho de Josh, ele precisava descobrir quem assassinou o sr. Robert  e deixou sua esposa Margareth gravemente ferida. O casal Rickenter morava perto do pântano, eles eram pais de Eve, uma detetive que trabalhava com Josh. Não havia nenhuma pista no local que pudesse identificar quem fez aquilo. 

Após esse ocorrido todos tentavam levar suas vidas e superar a perda do pobre Robert e torcer pela recuperação de Margareth que estava no hospital. Sophie e Josh continuavam se vendo sempre que ele tinha uma folga nas investigações. Eles sempre se encontravam no pântano perto de um lago, e lá estava ela esperando por ele, mas foi surpreendida por um cadáver, era de uma moça, ela estava nua, coberta apenas por fitas coloridas, havia um X na barriga, muitos cortes e queimaduras em todo o corpo, tornozelos amarrados, as mãos estavam no pescoço e estava sem pálpebras. Sophie ficou horrorizada e foi direto pra o departamento.


É assim: para a vida se manter em equilíbrio, sempre que algo estiver dando certo outra coisa vai afundar.

O corpo era de Katherine, tinha 24 anos. A mãe dela levou o diário da moça para a polícia e lá estava escrito que ela vinha sentindo um desconforto há um mês, tinha a sensação de estar sendo observada e encontrou três bilhetes no armário da escola que estava escrito "BOOMM", após isso foi encontrada morta e não havia nenhum sinal que indicasse o culpado. A polícia pensou ser um assassinato de ódio e interrogaram o ex-namorado dela, mas ele possuía um álibi comprovado.

A cidade inteira ficou amedrontada imaginando que o terror de dois anos atrás tinha voltado à cidade.  E tudo indicava ser ele. Em 2013 houve 6 mortes de mulheres e todas as vítimas tinham o perfil de queridinha da América: bonita, rosto angelical, nova e loira. Todas foram encontradas no pântano com o mesmo modus operandi de katherine, agora em 2015. A população denominou esse assassino nunca encontrado de Maníaco do Pântano. Esse tal maníaco era alguém calmo, sagaz, que vê e dá importância nas significações das coisas. Ele fazia terror psicológico seguido de terror físico. Todas as vítimas recebiam três bilhetes antes de morrer mas nenhuma procurava a polícia talvez por achar que era algum tipo de brincadeira.

A polícia seguia trabalhando duro pra descobrir algo relevante mas ficavam apenas dando voltas, precisavam achar algo em comum entre as vítimas. Poucos dias depois acharam o corpo de Daniella, mesmo padrão e torturas de Katherine. Isso mostrava que o maníaco tinha sim voltado e estava decidido a fazer muitas vítimas. Algo precisava ser feito urgente para detê-lo.

Sophie se encaixava nos padrões e estava com medo de ser a próxima então decidiu ser uma detetive amadora e reunir todas as informações pra tentar achar algo que faça uma ligação entre as vítimas que consequentemente vai levar até o psicopata. Ela conseguiu encontrar bastante coisa visitando o perfil das meninas e estava bem perto de descobrir toda a verdade, mas aí foi surpreendida com mais um assassinato. Dessa vez foi Louise, sua amiga. Ela trabalhava na padaria da mãe de Sophie, tinha pedido alguns dias de férias mas ninguém sabia pra onde ela iria. Sophie também recebeu dois bilhetes com a palavra "BOOMM", ficou com muito medo mas decidiu não contar nada a ninguém, louca né? Ela já tava se achando a detetive profissional. Estava brincando com a sorte, precisava fazer alguma coisa pra evitar que recebesse o terceiro aviso...


Gente, QUE LIVRO! Helena, mais uma vez obrigada por essa parceria e parabéns por esse livro fantástico. No início é tudo bem tranquilo, é narrado em primeira pessoa alternando entre Sophie e Josh, cada um conta sua vida e seu ponto de vista sobre as coisas e foi muito bom ver a perspectiva deles em relação ao namoro também. Até então essa história do Maníaco do Pântano era um mistério, era algo que todos queriam esquecer digamos assim e depois que teve a primeira morte já começou a ser revelado o que tinha acontecido anteriormente, daí começa o clima de suspense que se eleva no decorrer das páginas e eu não conseguia largar o livro. 

Eu como uma detetive que sou também fiz minhas investigações e errei feio viu! O Maníaco é quem menos esperava e a "justificativa" para tal atitude foi bem convincente. A história foi tão bem conduzida que assim como a polícia fui levada a caminhos diferentes. Mas a queria Sophia acertou gente, imagina o risco que ela correu. O engraçado que eu tava lendo no sítio do meu avô e ficava o tempo todo olhando ao redor assim meio desconfiada kkkk mas sou morena então tá de boas.

Vale muito à pena ler, é um livro de produção independente, entrem em contato com ela pra adquirir.


TAG: UM LIVRO QUE

Olá meus amores, hoje vamos de tag! Quem quiser fazer fique à vontade.



1. Um livro que: te emocionou muito.

São tantos rsrs. Mas um que li recentemente e fiquei muito emocionada foi "De Encontro à Minha Vida".

2. Um livro que: você queria muito ler e descobriu que não era tudo aquilo que você pensava.


Mil Dias em Veneza

9. Um livro que: não é muito seu estilo, mas você tem vontade de ler.


Meu estilo é tão variado, os únicos que não fazem são os de terror terror mesmo e não tenho vontade de ler nenhum.

3. Um livro que: você achava que não iria gostar e te surpreendeu.


Seara Vermelha

4. Um livro que: você já tem há muito tempo na sua estante e ainda não leu.


Não costumo deixar os livros muito tempo na estante sem ler, só se for caso de total falta de tempo, mas tem um que comprei na Bienal de Itabaiana e ainda não li que é "A Turma que não Escrevia Direito"

5. Um livro que: te passou uma lição de vida.



São muitos os livros que me dão lição de vida, sempre consigo tirar algo relevante deles, mas os que mais me deixam impactada são os de Cury.

6. Um livro que: te fez suspirar.

O Treinador do Meu Sobrinho

7. Um livro que: você ainda não tem e quer muito ler.


Caixa de Pássaros, tô enlouquecendo já kkk

8. Um livro que: de tão bom era difícil parar de ler.


A Sangue Frio

10. Um livro que: você indica.


Só pergunta difícil aqui viu rsrs, mas vou indicar um que nem todos conhecem mas que é MUITO bom mesmo, "A Rosa Perdida".

DECIDI O QUE QUERO CURSAR, COMO LIDAR COM OS COMENTÁRIOS NEGATIVOS?

Oi gente! Voltei com mais um post a respeito do que cursar na faculdade. No primeiro post falei um pouco sobre quem está na dúvida, para conferir clique AQUI. O de hoje é falando do próximo passo a seguir depois que a decisão já está tomada.

A primeira coisa que ouvi e sei que muitas pessoas também já ouviram é: ESSA PROFISSÃO NÃO DÁ DINHEIRO. Se você ainda não ouviu amigo(a) se prepare. E a primeira coisa que respondi foi: ESTOU FAZENDO O QUE GOSTO. Gente, toda profissão tem altos e baixos, não acho legal escolher uma olhando o piso salarial, é frustração na certa! Claro que passar tanto tempo estudando e no fim ganhar uma miséria não é tão atrativo. Eu acredito que quando fazemos de tudo para nos destacarmos profissionalmente diversas portas se abrem nos dando a chance de crescer e consequentemente ganhar mais dinheiro. 

Todas as profissões têm sua importância para a vida de todos, imagine se algumas fossem excluídas e não tivessem profissionais suficientes para nos atender, como seria? Ainda tem muitas áreas que necessitam bastante e todas elas têm pontos desconhecidos por nós. Sabemos o básico do básico de cada profissão, só quem cursa é que conhece. Eu por exemplo, sempre achei que jornalismo era na frente das câmeras seja na bancada ou nas ruas como repórter ou na redação, mas estava totalmente sem noção do que realmente abrange o jornalismo, são DIVERSAS áreas de atuação possíveis. Da mesma forma é com as outras, por isso pretendo fazer um post sobre cada profissão para que vocês conheçam um pouco mais os bastidores rsrs. Vou trazer curiosidades sobre o curso e pretendo falar com um profissional já formado também pra que vocês possam entender o verdadeiro cenário daquela profissão e comparar a teoria com a prática. Enfim, voltando ao assunto dos comentários negativos... não coloquem essas coisas na cabeça e foquem no seus objetivos. Se já decidiu, ótimo! Siga em frente.

Espero ter ajudado vocês! Um super beijo.


RESENHA LIVRO: "LAÇO ETERNO LUZ", RENATA MELO

Segundo livro da trilogia Laço Eterno da parceira querida! Para ver a resenha do primeiro livro clique AQUI.


Sinopse:

Bruna é uma jovem enóloga que busca um novo começo após um trágico acidente que mudou completamente o rumo de sua vida e suas escolhas. Joaquim é engenheiro, bem-humorado, espirituoso e com um dom de enxergar o íntimo das pessoas que o cercam. Os caminhos de Bruna e Joaquim não poderiam se cruzar em um momento mais oportuno. A moça busca redenção, e talvez só ele seja capaz de conceder-lhe essa graça. Almas gêmeas que mais uma vez se encontram. O que será que o destino irá lhes reservar?

Uma emocionante história de amor, esperança, perdão e gratidão. Laço Eterno Luz nos mostra que nem sempre tudo vai ser como planejamos, mas, de uma forma ou de outra, tudo vai acontecer como deveria ser desde o início. Emocione-se com Bruna e Joaquim e embarque nesta história que mudará definitivamente sua perspectiva acerca da vida e de tudo que nos rodeia.

Resenha:

Bruna Gonzáles sai do Uruguai rumo ao Brasil para trabalhar em uma vinícola. Ela era a enóloga premiada recentemente. Seus pais tinham uma vinícola em seu país mas ela precisa recomeçar sua vida em outro lugar após sofrer um grave acidente que resultou na morte do seu melhor amigo. Quem a recebeu no aeroporto foi Joaquim, que era primo de João, o proprietário do seu local de trabalho.  Ele a fez companhia e muito simpático apresentou alguns lugares de Gramado e depois partiram pra São Bento.

Quando eles se encontraram no aeroporto Joaquim estava com a sensação de reencontro e Bruna sentia-se alegre e confiante ao lado daquele homem que acabara de conhecer. Durante os passeios trocaram olhares silenciosos e ela aceitou passar a noite na casa que ele tinha em Gramado. Quando ficaram às sós houve um desejo entre eles como se já fossem íntimos e não foi difícil se entregarem à paixão. Depois que chegaram em São Bento Bruna se dedicou extremamente ao seu trabalho, alugou uma casa próximo à casa do chefe João pois já tinha ficado amiga da esposa dele, Sophia. Joaquim viaja bastante, ele era engenheiro e tinha muitas obras que precisava fiscalizar em diferentes cidades.

A vida seguia tranquila e sempre que Joaquim chegava encontrava com Bruna e eles aproveitavam cada segundo juntos, mas ele era especial. Tinha um dom. Ele tinha consciência da existência de vidas passadas e sabia que Bruna era seu grande amor no qual não conseguiram ficar juntos na outra vida, tiveram apenas um romance passageiro e cheio de tribulações. Será que dessa vez vai ser diferente? Já que o destino deu uma nova chance pra consertar os erros? Bruna não tinha esse conhecimento, mas quando estava ao lado dele sentia-se à vontade e facilmente se envolvia em seus braços.

É importante estarmos sempre atentos, pois nunca saberemos de tudo, só o essencial. Esse é o mistério.

Tudo parecia estar bem até que devido ao dom de Joaquim foi preciso haver um distanciamento entre eles. Algo que não conseguia explicar para sua amada, mas sabia que era necessário deixá-la seguir seu caminho, pois nem todas as coisas acontecem quando desejamos. Eles já estavam noivos, Joaquim já tinha ido para o país dela conhecer os pais só que não poderia largar tudo no Brasil por causa do trabalho e morar com ela lá. Então Bruna resolveu voltar sozinha para continuar o trabalho na vinícola do pai porque já tinha superado os problemas que a perturbavam.

Ao chegar no Uruguai reencontrou um ex-namorado da adolescência e passaram a fazer tudo juntos até que retomaram o namoro e ficaram noivos. Ela estava decidida a viver sua vida já que Joaquim dizia que a amava mas não era capaz de atravessar o mundo por ela, mas não podia negar que ainda gostava dele. Bruna tinha o coração dividido entre dois mundos, entre dois amores bem diferentes. Não ousava fazer nenhuma comparação, não existia um preferido, existia apenas quem ela foi quando esteve com cada um.

Depois de algum tempo quando a data do casamento já estava próxima, ela recebeu uma ligação de sua amiga Sophia que precisava lhe contar algo sobre Joaquim, mas Bruna se recusou a ouvir, disse que não queria mais saber de nada sobre a vida dele pois estava seguindo em frente. Mas ela não sabia que o assunto era sério e que poderia se agravar ainda mais caso ela não soubesse à tempo...

Esse segundo livro foi muito bom também. Grenda e Alan da vida passada deixaram alguns pontos soltos na relação e foi dada uma nova chance para eles consertarem. Bruna e Joaquim. Só que nessa vida ele tem conhecimento dos acontecimentos passados e sabe o que fazer para que tudo ocorra da maneira correta mas não pode contar nada para sua amada e isso ao invés de aproximá-los acaba os distanciando causando um novo sofrimento. Para Bruna é a primeira frustração amorosa, mas Joaquim sente essa dor por mais uma vida.


RESENHA: FILME "VOCÊ ACREDITA?"

Olá amores, hoje trouxe uma dica de filme pra vocês. É maravilhoso e vale muito à pena assistir, independente de sua religião. Ele fala do verdadeiro significado da cruz.


Sinopse:

Um pastor é questionado por um morador de rua sobre sua crença em Deus, e passa a usar essa pergunta com seus fiéis também. A partir daí, doze histórias diferentes se cruzam, cada uma com sua provação sobre até onde vai a fé em Deus de cada uma das pessoas envolvidas.

Resenha:

O drama dirigido por Jonathan M. Gunn e roteiro de Chuck Konzelman e Cary Solomon questiona o real significado da cruz não apenas na história do cristianismo, mas na história da humanidade.

O pastor Matthew que apesar de sua fé percebe que suas pregações não estão surtindo efeito nas pessoas. Até que um dia quando estava dirigindo, passou por vários moradores de rua e um deles estava caminhando com uma cruz nas costas e quando vê o pastor começa a pregar pra ele e pergunta se ele acredita na cruz. Matthew responde  que é um pastor e claro que acreditava. Depois que ouve a pregação, Matthew começa a refletir e se questionar se realmente ele crê nas palavras que tanto fala aos seus fieis. Decide que irá ajudar as pessoas não somente dentro da igreja, mas fora também, resgatando os que estão na rua e apresentar para eles o evangelho, que é o essencial e o que Deus nos manda fazer, ir ao mundo anunciar Sua Palavra e viver daquela palavra.

Em um de seus cultos ele da um belo sermão e a partir daí todas as pessoas começam a colocar em prática tudo que estava apenas na teoria. Começam a agir.

Um casal de idosos que ainda sofre com a perda da filha que sofreu um acidente e durante muito tempo viveram como se a vida não tivesse mais sentido. Na verdade eles estavam apenas sobrevivendo. Não tinham coragem de se desfazer das coisas dela, era como se a qualquer momento fosse voltar.

Um ex-presidiário convertido, mas que está muito doente e tem poucos dias de vida.

Uma viúva que vive nas ruas com sua filha pequena. Depois que o marido morreu ela perdeu o emprego e não conseguindo mais nenhum outro, não tinha como pagar as despesas e foi mandada embora da casa que morava, indo para um abrigo.

Uma enfermeira e um paramédico que são casados e não têm tempo um pra o outro. Ele é convertido e vive um dilema em seu local de trabalho por falar de Cristo para as pessoas que resgatou e estavam à beira da morte. Foi acusado de estar induzindo-as à sua crença religiosa.

Uma garota tentando suicídio, pois sente-se sozinha e não tem amor de sua família.

Um ex-soldado tentando superar seus traumas. Vive perturbado por seus fantasmas, sem ânimo e constantemente também tenta o suicídio.

Uma adolescente grávida vagando pelas ruas, após fugir de casa quando a família queria que ela tirasse o bebê.

Dois irmão seguindo o mundo do crime, foram quase pegos em um assalto e um deles tentando se esconder vai parar na igreja e questiona que se Deus existe mesmo ajudasse ele a sair daquela emboscada e prometeu mudar caso fosse ouvido.

A princípio nem todos os personagens se conhecem e a história de cada um é contada separadamente e depois vai se conectando se maneira bem impactante. São pessoas que estão passando por momentos difíceis e se questionam se Deus realmente existe. Se existe, porque permitiu aquela situação? São histórias diferentes unidas de uma maneira emocionante e surpreendente, através da Cruz de Cristo. A mensagem é linda e nos faz refletir sobre os caminhos que estamos percorrendo e a importância que Deus tem em nossas vidas. O questionamento feito é "você acredita?", se a resposta for sim eis que surge um novo questionamento "O que você está fazendo para provar sua crença?", ou seja, a fé deve ser seguida de obras.


Mas dirá alguém: Tu tens a fé, e eu tenho as obras; mostra-me a tua fé sem as tuas obras, e eu te mostrarei a minha fé pelas minhas obras. Tiago 2:18



Este filme vai marcar a sua vida.


NÃO SEI O QUE CURSAR, E AGORA?


Olá meus amores, tudo bem? O post de hoje é um tema que resolvi trazer por ouvir bastante gente me dizer que ainda não sabe o que vai cursar depois do ensino médio e isso os deixam muito apreensivos. Ter que lidar com aquela pressão dos pais ou dos amigos em perguntar a todo instante o que vão fazer enquanto a data do vestibular está se aproximando. Se alguém aí também estiver nessa dúvida espero ajudar nesse post e em outros que farei.

Se está indeciso quanto ao que fazer ou realmente não faz ideia, sugiro que tente coisas diferentes por mais que não se agrade tanto. Às vezes a gente tem um conhecimento errado ou insuficiente das coisas e acabamos perdendo muitas oportunidades fantásticas, digo isso por experiência própria. Se você acha uma atividade interessante se arrisque em fazer, como tocar algum instrumento, praticar algum esporte, frequentar clubes de danças. Tente de tudo! Você pode acabar descobrindo o que realmente faz seu coração pulsar mais forte. Acredito que temos que fazer aquilo que desperta uma emoção diferente na gente, o que faz os olhos brilharem, o que nos faz dar aquele sorriso de orelha a orelha, o que faz a gente ficar nervoso e agitado toda vez que fala. 

Observação! Acho essa palavra sensacional. Ela tem um poder tão grande que só quem pratica vai entender. E se você ainda não tem tanta intimidade com ela, comece a praticar. Observar é fundamental quando a gente ainda tá indeciso. Muitos acham que falar falar e falar basta, mas não é. Falar tem sim sua importância, mas as coisas mais incríveis conseguimos quando estamos observando.

A pesquisa também é fundamental, tanto na internet quanto procurar conversar com as pessoas de diversas áreas, será mais fácil identificar se é aquilo que gosta ou não. Se for possível também estar presente no ambiente de trabalho daquela pessoa melhor ainda.

Já ouvi muitos casos assim que deram certo, de se matricular em várias atividades ou até mesmo assistir vídeos falando sobre o assunto. Sempre vale à pena tentar, não será tempo perdido. Mesmo que ao finalizar a atividade descubra que não é aquilo que quer fazer, irá tirar algum aprendizado dali, pode ter certeza.

Então é isso gente, compartilhem comigo as experiências de vocês e se tiverem alguma dúvida também. Pretendo trazer uma série de profissões, falando algumas curiosidades básicas sobre cada uma delas para ajudar um pouco mais, o que vocês acham? Quem tiver cursando alguma faculdade deixa aqui nos comentários ou entra em contato por e-mail pra me contar o que está achando e se quer compartilhar aqui também. 

RESENHA: LIVRO "O BOSQUE DOS ANJOS", SIDNEI COELHO

Mais uma resenha de um livro recebido através de parceria. Já li um outro livro desse autor, confiram a resenha AQUI.


Sinopse: 

Eis uma história de amor e fúria...
O que vou contar é a caminhada de três indivíduos que viveram uma magnífica história de amor - Susan, Nicholas e o anjo. Susan tornou-se uma linda mulher, fazendo anjos e homens descobrirem aquilo que de mais importante existe: o amor. Nicholas foi responsável por muitas mudanças, mostrando que não importa onde nascemos e crescemos, o que realmente faz a diferença é aquilo que somos por dentro. O anjo encontrou um caminho, mesmo que isso tenha demorado toda uma existência. Ele cumpriu a sua missão, deixando apenas uma dúvida: será que após tudo o que fez, conseguiu redimir-se das escolhas erradas? As mesmas que o levaram para a mais profunda solidão, afastando-o dos céus?

Essa é a história de uma cidade perdida na maldade, com um anjo enfurecido e uma representação do amor. A menina se apaixonou pelo anjo e isso fez com que o jovem Nicholas fugisse dos seus sentimentos. Todos tiveram que buscar dentro de si respostas para aquilo que nem mesmo sabiam existir.

Resenha:

A história se passa no século XIX, na cidade portuária de Sherkin, na Inglaterra. Havia uma lenda sobre cinco anjos que viviam ali, eles moravam no Bosque e o lema era levar a paz entre os povos. Por ser um lugar que passava embarcações, era muito movimentada e as pessoas que chegavam eram más, o sexo que prevalecia era o masculino. Eles vinham em busca de mulheres inocentes para tirar proveito. Ninguém fazia nada para detê-los, viviam com medo evitando sair nas ruas, mas a violência chegou ao ponto de os homens invadirem as casas e arrancá-las de lá à força.

Era uma terra sem lei, ocorria muitos crimes frequentes e os criminosos partiam sem punição. As crianças nascidas vítimas dos ataques às mães eram abandonadas exceto pelo pequeno Nícholas, sua mãe Elisabeth foi abusada mas ela não conseguiu largar aquela pobre criança inocente, principalmente depois que descobriu que aquele bebê era fruto do amor. E criou o filho nas ruas ao relento fazendo o possível para sobreviver. Antes disso, ela vivia bem e confortável. Namorava com um belo rapaz chamado Thiago, ele foi vítima da brutalidade dos homens maus, mas antes de partir a presenteou com o pequeno Nícholas.

Os anos foram passando e a situação só piorava, a desordem reinava naquele recanto. Nícholas ainda era pequeno quando o separaram de sua mãe. Levaram-na para ser escrava no navio e o deixou nas ruas. Aquele garoto, apesar de não ter uma boa vida e passar por dificuldades todos os dias, era muito corajoso e determinado, acreditava que tudo podia mudar e tinha o dom de fazer o bem. Mesmo diante da dor possuía muitos sonhos e tinha esperança de um dia conseguir realizar todos eles e também ia lutar para encontrar sua mãe.

As pessoas nem sempre entendem que não é o lugar, a condição financeira ou os bens materiais que possuem que as definem, mas sim aquilo que está dentro do coração.

Os boatos que corriam sobre os anjos eram verdade, eles viviam no Bosque observando tudo que acontecia no lugar, mas não podiam interferir na vida humana, pois recebiam punições. Até que um dia, Edril, não suportando mais ver tanto sofrimento daquela gente resolveu interferir. Ele era um dos anjos e resolveu desobedecer às ordens e agir. Chegou à cidade no momento em que estava acontecendo uma briga, a covardia era imensa onde vários homens atacavam apenas um. Edril entrou em ação e rapidamente derrotou todos os malvados deixando a pequena plateia que se formou no local de boca aberta. Após esse ato Edril recebeu sua punição. Perdeu parte de seu poder, suas asas e foi impedido de retornar aos céus.

Depois de tanto tempo de maldade, a paz e harmonia voltou a habitar na pequena cidade deixando as pessoas felizes. Nícholas encontrou sua mãe e foram juntos morar no Bosque sob proteção do anjo. Ele conheceu Susan, uma moça que andava nas redondezas, tonaram-se amigos inseparáveis e juntos tiveram muitas ideias para realizar os sonhos. Tudo estava às mil maravilhas, mas as provações ainda não tinham acabado, o mal também tinha planos de voltar a atormentar aquele povo. Uma nova batalha estava prestes a ser travada, mas agora Nícholas já era adulto e precisa ser forte para encarar o que está por vir...

Mas nem todas as estações são iguais, o sol não brilha com a mesma intensidade todos os dias.

Mais uma obra maravilhosa que tive o prazer de ler. Sidnei mais uma vez me deixou encantada com essa história tão linda. Ela fala da maldade existente em um determinado local e que muito tempo ficou na escuridão por conta das pessoas que não faziam nada para mudar a realidade na qual se encontravam, elas se conformavam e acreditavam que era aquilo que deveria acontecer. Mas depois que Nícholas teve entendimento do que se passava quis mudar o cenário e não aceitava aquela situação, precisava agir. E enquanto não tinha idade suficiente para deter o mal, passava todo o seu tempo pensando em estratégias que fossem favoráveis. Mais uma história que traz muitos aprendizados, também fala de sonhos e todas as barreiras que aparecem no caminho para nos fazer desistir e apenas nós é que podemos decidir continuar ou desistir. 

Quando vi o tema sendo abordado de cara já me apaixonei, mas fiquei muito mais fascinada quando vi a maneira que foi encaixado e como a história foi conduzida. Tudo fez sentido, todos os pontos se interligaram. O autor tem um muito talento, já disse na outra resenha que fiz que dá pra sentir o amor dele pela escrita. Sou muito grata por ter recebido esse livro e já estou ansiosa para os outros lançamentos. Não deixem de conhecer o Sidnei e seus livros incríveis. Ah e tem muitos quotes lindos, depois vou fazer um post só com eles!



RECEBIDOS DE DEZEMBRO

Olá meus amores, vim mostrar pra vocês meus recebidos de dezembro, mais um mês que recebo essas lindezas e tô muito feliz. Comecei a conseguir parcerias em novembro e espero que 2018 me proporcione muito mais! Quem ainda não viu meus livros de novembro clique AQUI.



Os Opostos se Distraem: Jussara Souza. Esse eu recebi em e-book em novembro, daí ganhei o sorteio do livro físico e em dezembro ele chegou.  Resenha AQUI

Homens e Anjos: Luciana Oliveira   Resenha AQUI

Im(Perfeição): Helena Souza

Forever: Iasmin Gibin

Sonata em Auschwitz: Luize Valente

Trilogia Laço Eterno: Renata Melo    Resenha AQUI

Que Mico!: Dieison Engroff

Flores de Amsterdam: Edi Pinheiro

DOCUMENTÁRIO: O MELHOR ANO DA SUA HISTÓRIA


Hoje estreia um documentário produzido por Augusto Cury que tem o objetivo de nos ajudar a entrar em camadas mais profundas da nossa mente, para que possamos entender que a Gestão da Emoção está ligada à sua essência e isso vai nos ajudar a concretizar todos aqueles sonhos que temos e até hoje não conseguimos realizar. 


Palavras do autor:

É possível gerenciar seus pensamentos através de técnicas de Gestão da Emoção. Você é uma joia única no teatro da existência, o seu valor é inestimável e nesse documentário eu vou te ajudar a escrever os melhores capítulos da sua história no ano de 2018. Tenho pensado inúmeras formas de propagar esse conhecimento e o documentário nasce desse desejo.

Vou compartilhar as ferramentas de coaching de gestão da emoção que utilizei nos dias mais difíceis da minha vida para superar perdas, frustrações, sofrimento por antecipação e até uma forte crise emocional que tive no período da faculdade. Essas ferramentas me ajudaram a me reinventar e chegar até aqui como escritor, pesquisador, e sei que elas são poderosas para te ajudar a transformar 2018 no melhor ano. Compartilho essas técnicas que desenvolvi (ao longo de mais de 20 anos pesquisando a mente humana) com meus alunos e pacientes e agora decidi torná-las acessíveis a todos. 

--

É gratuito e ficará disponível até o dia 15/01, entrem no site e se cadastrem pra assistir essa preciosidade.  https://www.omelhoranodasuahistoria.com.br/

Não deixem de assistir, tá lindo demais! Não é novidade que sou fã de Cury né? O primeiro livro que li na vida foi dele e a partir daí tive o gosto pela leitura, pela escrita e pelas pessoas. Aprendi muitas coisas e principalmente a expandir meus horizontes e dar oportunidades na vida, tanto pra mim, quanto para os que me cercam e para todas as coisas. Sei que muita gente ainda não gosta da filosofia dele e tem pavor só de ouvir a palavra "autoajuda", mas se permitam apenas conhecer e tirar as próprias conclusões, não julgue sem conhecer pois isso gera um certo bloqueio. Ele apresenta algumas experiências de vida e mostra como superou e os caminhos que trilhou pra chegar até aqui. Não sei por qual situação você está passando, mas sei que todos têm um objetivo na vida e muitos ainda não realizaram, possa ser que a forma que você está pensando esteja impedindo essa realização. 

Augusto Cury é um pesquisador da mente humana e desenvolveu técnicas que hoje ajudam muita gente a se encontrar e o mais fascinante é que ele não te diz o que fazer, mas te permite descobrir isso. A resposta está dentro de cada um de nós, precisamos conhecer o funcionamento dos pensamentos pra entender o que acontece ao nosso redor.

Espero que assistam, pois sei que vão gostar bastante. Fiquei bem feliz com esse documentário. Fiz um texto falando sobre o que eu espero do ano novo  e contei que estava decidida a mudar algumas atitudes e consequentemente o ano iria ser melhor. A mudança começa de dentro pra fora! E agora confirmei através desse documentário que de fato meu 2018 será maravilhoso. Desejo que o de vocês também seja. 



RESENHA: LIVRO "LAÇO ETERNO", RENATA MELO

Olá meus amores. Feliz Ano Novo!! Que Deus abençoe vocês. Primeiro dia do ano não poderia faltar resenha né? haha e é uma resenha pra lá de especial, pois é de uma parceira, a Renata que me presenteou com a trilogia Laço Eterno, vamos conhecer o primeiro livro? Espero que gostem.


Sinopse:

A jornalista e bem-sucedida Grenda Medeiros estava focada em entender por que tinha sonhos tão claros, conectados e intensos. Era como se estivesse assistindo a um filme, mas os sentimentos e sensações eram bem reais. Existia um homem, um amor intenso, que a fazia experimentar várias emoções ao mesmo tempo. Sem nunca terem se encontrado, Alan Muller, jovem empresário, de uma família tradicional e, desde então, não consegue entender a forte atração que o deixa obcecado por ela. Esse premeditado encontro ou reencontro de almas causa uma combustão explosiva entre eles que irá precisar de Amor, Paciência e Persistência.

Em perspectiva do inesperado e do surpreendente é a melhor forma de definir este livro.


Resenha:

Grenda tinha 27 anos e trabalhava em uma revista, era a repórter que cobria vários grandes eventos. Era solteira e morava em São Paulo. Foi escalada para cobrir um campeonato de motocross em Florianópolis, ela não queria ir mas foi obrigada. Não era o tipo de evento que gostava de participar. Tinha que entrevistar os competidores e fazer uma matéria sobre isso. Assim que chegou foi logo ao trabalho para voltar o quanto antes. O primeiro competidor que encontrou foi Alan Muller, um jovem empresário de família tradicional do Sul do país e estava em terceiro lugar no campeonato. Um homem muito bonito de tirar o fôlego inclusive o de Grenda. Mas ela tratou de parar de admirar a beleza de Alan pois seu coração estava fechado pra balanço depois que terminou o noivado com Mark. Ela era apaixonada pelo jornalismo e estava decidida a dar o seu melhor naquele evento, mesmo não gostando da pauta.

Grenda gostava da vida que levava mas tinha algo estranho que a incomodava bastante. Os sonhos frequentes que tinha pareciam tão reais que chegavam a assustá-la. Existia um homem no qual amava, era um amor intenso, mas muito conturbado. Sempre que acordava tinha a sensação de não saber quem realmente era. E o mais estranho era que o sonho continuava de onde parou, como se ela estivesse vivido aqueles momentos.

Tentando encontrar uma explicação para tais sonhos buscou ajuda de um médico, Dr. Reinfield. Ele era um especialista em regressão, ela não acreditava muito na existência de várias vidas, mas precisava entender o que estava acontecendo. Quando começou a sessão ela deitou sob o divã e relaxando naturalmente até começar a sonhar novamente e depois que acordou o doutor explicou que não se tratava de um sonho exatamente, mas sim de uma lembrança de algo que aconteceu no passado. Uma linda história de amor que ficou mal resolvida e que o destino iria se encarregar de unir o casal novamente e dar continuidade ao romance. Grenda ficou impressionada com o que ouviu e decidiu que não voltaria mais naquele consultório. Essas informações eram absurdas, não tinha como aceitar.

Foi despertada de seus devaneios quando Alan a convidou para dançar, eles estavam em um baile que estava acontecendo após o dia de campeonato. Quando ela pensou em recusar ele puxou-a para perto e deu um beijo nela. Foi uma atitude que deixou Grenda desconcertada e ao mesmo tempo contente por ter provado daquele homem tão sedutor e cobiçado. Depois de tamanha ousadia ele a convidou para ir até seu quarto, ela estava achando as atitudes dele muito petulantes mas já estava tão envolvida que não pensou duas vezes e os dois subiram para cessar o desejo que crescia desde que se viram. Ambos sabiam que depois daquele dia não voltariam a se ver, pois Alan não passava de um sedutor que só queria levar as mulheres pra cama e depois romper o contato.

Não sabia como ele tinha conseguido em tão pouco tempo virar seu mundo pelo avesso. Estava entrando em um caminho sem volta. Estava inesperadamente se apaixonando.

Alguns meses depois quando já estava em sua cidade descobriu que estava grávida, ficou feliz e desesperada ao mesmo tempo, decidiu que iria criar seu filho sozinha e jamais Alan saberia da existência dele. Também teve que largar o jornalismo para administrar a empresa do pai do ramo de construção civil, ele havia feito uns investimentos errados e estava prestes à falir, então Grenda resolveu ajudá-lo. Não se sentia completamente feliz por abrir mão dos seus sonhos mas não tinha outra saída, agora estava muito confusa em relação aos sonhos que se tornavam cada vez mais frequentes.

Dois anos se passaram, seu filho Gabriel estava bem e saudável, ela continuava na empresa do pai, teve alguns encontros com alguns homens mas não conseguiu se envolver em um relacionamento e isso a deixou transtornada. Quando pensou que sua vida não poderia ficar pior eis que Alan aparece na empresa do seu pai como um dos sócios que comprou a maior parte das ações, Grenda vê seu mundo desabar pois percebeu que o desejo por aquele homem ainda estava vivo como se nunca tivessem se afastado e por ele continuar se achando o todo poderoso que podia sair e entrar na vida dela quando bem entendesse. O que ela não sabia era que Alan nutria mais que desejo por ela, ele a amava, não sabia como explicar tal sentimento mas tinha certeza de que queria aquela mulher por isso fez de tudo pra conseguir informações da vida dela e arrumou um forma de se encaixar.

Grenda precisava contar para Alan que era o pai de Gabriel mas não teve coragem. Começaram a se aproximar e a paixão tornou-se amor mas não será tão simples deles ficarem juntos quanto parece, nenhum dos dois sabe que o sentimento é recíproco e a falta de comunicação entre eles ainda vai causar muito sofrimento...

Foi uma leitura leve e envolvente, a escrita da autora me deixou encantada. A história é linda e despertou em mim diversos sentimentos, trata-se de almas gêmeas que viveram um grande amor no passado e precisam descobrir juntos onde erraram e consertar esse erro no presente para não comprometer o futuro. No início fiquei um pouco confusa com a questão dos sonhos de Grenda mas no decorrer da leitura comecei a entender do que se tratava e me surpreendi, os pontos se encaixam perfeitamente. Teve momentos que me vi de boca aberta com algumas revelações rsrs e o mais interessante foi a naturalidade dos acontecimentos, que demonstra uma familiaridade com a escrita. Amei muito esse livro e já tô indo devorar os outros dois. Muito obrigada pela parceria e pelo carinho. Para adquirir o exemplar entre em contato com a Renata.